Como criar aplicativos para museus e eventos culturais

Escrito por Sexta-feira 9 Setembro 2016

Como criar aplicativos para museus e eventos culturais
Apps são uma ferramenta extremamente útil, mas, infelizmente, subutilizados para o mercado de museus. Tudo o que os materiais informativos (folhetos, catálogos...) que são impressos e distribuídos pelos museus fazem, um app faz melhor — por mais barato, mais rápido e sem destruir árvores.

Primeiro, quem realmente irá baixar o app do museu?

Você deve estar se questionando isso, então vamos discutir. Todo criador de aplicativo iniciante sabe que conquistar downloads pode ser uma batalha, ou seja, se o seu aplicativo não oferece algo único e que não está disponível em outros lugares ou um incentivo para o usuário (pense recompensa, presente, etc.), fica ainda mais difícil. O ciclo de vida do cliente de um museu é um pouco único. Ao contrário de um bar ou salão de beleza, normalmente os visitantes não retornam regularmente ou, para os que voltam, os intervalos entre suas visitas são provavelmente muito mais longos. Então, por que alguém iria baixar um aplicativo que tem um propósito de uso único  (ou algumas vezes na melhor das hipóteses)?

É verdade que, por padrão, isso pode ser uma venda difícil, mas com a incorporação de alguns elementos-chave temos visto vários aplicativos de museus tendo grande sucesso em atrair os usuários. E principalmente,  ter um impacto positivo sobre o curto ciclo de vida mencionado antes.

Para começar, você deve dar alguma visibilidade para o aplicativo, utilizar publicidade pode se mostrar muito efetivo. O lugar ideal para fazer propaganda de um aplicativo de museu é provavelmente em outros aplicativos relacionados com turismo local, cultura ou diretórios (utilizar um servidor de anúncios internos em um aplicativo é a maneira perfeita para criar um anúncio segmentado aparecendo exatamente onde você deseja). Para levar ainda mais pessoas para as lojas de aplicativos para fazer o download é interessante considerar a inclusão de uma ação promocional no anúncio, como um desconto para as entradas ou acesso a uma área exclusiva do museu, gerando mais clicks na sua publicidade.

Uma vez que o usuário estejam na sua página de downloads, as screenshots nas lojas são o conteúdo em que você tem mais espaço para demonstrar exatamente como este aplicativo irá melhorar a visita ao museu, com belas imagens de alguns dos seus principais recursos. Precisa de alguma inspiração? Aqui estão apenas algumas das possibilidades para aplicativos de museu:

Tour livre e personalizado

Começando os trabalhos com antecedência você pode criar uma experiência realmente espetacular para os visitantes. Em primeiro lugar, usando uma seção de Mapas, crie um itinerário lógico indicando como os usuários devem fazer para chegar as diferentes exposições. Você pode criar vários itinerários baseados em interesses, quanto tempo eles têm para explorar, amostras mais populares etc. Para levar o passeio para o próximo nível, considere a incorporação da tecnologia dos Beacons, o que permitirá que o visitante receba notificações com informações relevantes sobre as obras quando se aproximam destas. Esta é uma ótima alternativa para aqueles que desejam os detalhes que são oferecidos em uma excursão em grupo, mas também querem visitar o museu em seu próprio ritmo e aprender sobre os detalhes dos items que lhe interessam.

Discussões de grupo

Explicações informativas profissionais sobre cada exposição são necessárias, mas compartilhar as opiniões e interpretação com outros visitantes é um bônus tornando a experiência ainda mais interessante. Ao incluir uma seção de "Envio", os usuários podem enviar uma foto o que exatamente  eles estão observando, acompanhado de um texto para descrever a sua opinião sobre a obra, ou quaisquer perguntas que eles tenham. Este conteúdo pode então ser publicado para criar uma comunidade que discuta e compartilhe diferentes reações, pontos de vista e teorias

Assistência para os visitantes necessidades especiais

Um aplicativo pode ajudar a aumentar a acessibilidade de um museu para aqueles com certas restrições. Quanto as restrições de idioma, o espaço físico pode limitar o número de línguas que são utilizadas para a apresentação das peças, mas com um app é facilmente possível resolver este problema. Você tem muita liberdade para cada tipo de conteúdo, no que diz respeito aos detalhes que você pode mostrar, o que lhe permite fornecer informações em vários idiomas para que todos os visitantes tenham a mesma oportunidade de entender.

Para aqueles com outras restrições, por exemplo deficiência visual, características que atendem outros sentidos estão disponíveis. Incluir faixas de áudio que podem ser escutadas enquanto o museu é explorado pode ser uma ótima maneira para transmitir a mesma informação mas em outro formato.
Como criar aplicativos para museus e eventos culturais

Recompensas exclusivas

Para mostrar aos usuários que você aprecia muito a visita deles, tire proveito de grandes recursos nativos, como as Recompensas e o Cartão Fidelidade, para lhes das ofertas interessantes. Um exemplo para o uso da funcionalidade de recompensas pode ser oferecendo aos visitantes um sorvete pela metade do preço quando se aproximam da área do restaurante. Participantes do Cartão Fidelidade podem ganhar visitas gratuitas ou outros privilégios exclusivos para retornarem regularmente  ao museu. Essa é uma maneira em que um aplicativo pode desempenhar um papel importante para prolongar o ciclo de vida de um cliente. 

Se você é um museu sem um aplicativo, espero que alguns dos benefícios tenham se mostrado interessantes — comece a eliminar gradualmente os folhetos e ofereça aos seus visitantes algo mais atualizado e com uma experiência aprimorada. Se você é uma agência à procura de novas oportunidades, estude a possibilidade desta indústria como uma fonte muitas vezes esquecida de leads. A demanda já existe!

Se você está pronto para entrar nesse mercado, o nosso Guia das Agências ajudará a identificar os pontos-chave a considerar quando se aborda um novo cliente. Use-o, ele é seu, gratuitamente:

Guia-das-agencias-reseller



Insira seu endereço de e-mail